Hands-on: testamos o Idol e o Pixo, novos smartphones da Alcatel.

59538900117165432

Se você tem acompanhado as notícias do Tecmundo de forma regular, deve saber que a Alcatel está se preparando para aterrissar de vez no território brasileiro, trazendo para as gôndolas tupiniquins alguns modelos mais avançados de seus smartphones que fazem sucesso no exterior. Entre as novidades que a empresa passará a fabricar e distribuir em terras tupiniquins, destacam-se o intermediário One Touch Idol – que inclusive fez uma aparição especial no filme “Homem de Ferro 3” – e o modelo de entrada One Touch Pixo.

Visitamos o estande da companhia durante a Eletrolarshow 2013 (evento que ocorre entre os dias 15 e 18 de julho em São Paulo capital) e não pudemos deixar de experimentar os dois dispositivos. Ambos chegam ao varejo com preços bastante competitivos, mas será que os consumidores podem confiar e investir na marca? Aparentemente, a resposta é sim.

 

One Touch Idol

  • Display de 4,7 polegadas com 960×540 pixels de resolução e tecnologia IPS
  • Processador MediaTek dual-core de 1 GHz
  • 1 GB de memória RAM
  • 16 GB de armazenamento interno (expansível com cartão micro SD de até 32 GB)
  • Câmera traseira de 8 MP (com flash) e frontal de 2 MP
  • Dual-SIM
  • Conectividade: WiFi 802.11 b/g/n, Bluetooth 4.0, GPS, DLNA, HSPA, GMS Quadband (850/900/1800/1900)
  • Sistema operacional Android 4.1 Jelly Bean
  • Bateria de 1.800 mAh

Não adianta (mesmo) resistir

O slogan do One Touch Idol – “Impossível resistir” – pode parecer um pouco presunçoso para quem nunca pegou o aparelho nas mãos. Contudo, nossa sensação ao tocar o smartphone pela primeira vez foi de amor à primeira vista: a Alcatel está de parabéns no que diz respeito ao design do produto. O dispositivo é muito fino (7,9 mm) e bastante leve (110 gramas), encantando de imediato com elegante traseira em alumínio escovado. É um celular atraente e confortável de manejar – sem deixar de transparecer segurança e resistência.

5953890011716501

 

E por falar em resistência, é importantíssimo observar que a tela do Idol é feita com DragonTail, um vidro superforte nos moldes do famoso Gorilla Glass. Além de proteger o display contra pancadas e ranhuras, o material também afasta aquelas incômodas marcas de dedo que estragam completamente a estética de nossos queridos smartphones após certos dias de uso.

A interface do gadget acompanha sua elegância exterior, baseando-se em modificações levíssimas na aparência tradicional do sistema operacional Android. A Alcatel também não deixou de investir em um bom sistema fotográfico. A câmera traseira do Idol é muito boa em condições normais de luminosidade, contando inclusive com funções nativas para captura de imagens HDR e uma espécie de “falso 3D”.

Obviamente, por se tratar de um aparelho para testes, não pudemos efetuar análises mais aprofundadas no One Touch Idol; ainda assim, nossas primeiras impressões foram muito positivas. Trata-se de um dispositivo digno e que ainda suporta dois chips simultaneamente. Ficou interessado? O modelo poderá ser adquirido já a partir do mês que vem, com o preço sugerido de R$ 1.000. Parece valer a pena.

Atualizado: o Tecmundo investigou mais a fundo e constatou que a versão que virá ao Brasil é o Idol 6030D, que conta com 1 GB de memória RAM e Dual-SIM. A versão equipada com apenas 512 MB é a 6030A, single-chip, originária dos Estados Unidos.

59538900117165152

One Touch Pixo

  • Display de 3,5 polegadas com 320×480 pixels de resolução
  • Processador MediaTek single-core de 1 GHz
  • 512 MB de memória RAM
  • Armazenamento interno não especificado
  • Câmera traseira de 2 MP
  • Dual-SIM
  • Conectividade: não especificada
  • Sistema operacional Android 2.3 Gingerbread
  • Bateria não especificada

Para quem está começando

Diferente do Idol, o One Touch Pixo é um aparelho exclusivo do mercado brasileiro. Algumas especificações do produto – como a conectividade, a bateria e o armazenamento interno – ainda são desconhecidas, mas trata-se de um gadget de entrada feito especialmente para concorrer com o popular Samsung Galaxy Y. Adotando o retrógrado Android 2.3 Gingerbread, o dispositivo custará algo entre R$ 350 e R$ 400, sendo uma opção ideal para quem está começando a entrar no mundo dos smartphones.

59538900117165349

 

O Pixo é realmente um gadget simplório, com um corpo de plástico desconfortável e incômodos 12 mm de espessura. Apesar de ser um pouquinho mais “gordo”, o celular só é 8 gramas mais pesado do que o Idol, característica que nos agradou bastante. A câmera segue a mesma linha, apresentando uma qualidade “aceitável”.

O produto deve estar disponível nas gôndolas entre o fim de agosto e início de setembro. Visto que ele tem especificações um pouco superiores e capacidade de trabalhar com dois chips SIM ao mesmo tempo, o Pixo tem tudo para derrubar o Galaxy Y do posto de “smartphone Android mais acessível” e fazer sucesso com o público que não desejar gastar muito em um aparelho celular.

59538900117165750

E tem mais

Vale lembrar ainda que a Alcatel também planeja lançar o M’Pop em território brasileiro, oferecendo um produto que se encaixa entre o Idol e o Pixo. Não muito sofisticado, mas também não muito econômico: o modelo é equipado com Android 4.1 Jelly Bean e tem uma tela mais generosa, com 4 polegadas.

A câmera também é melhor: há uma traseira de 5 MP e uma frontal com resolução VGA. O resto das especificações segue igual. O preço sugerido é de R$ 569. Infelizmente, os exemplares de teste do M’Pop não estavam disponíveis para experimentação durante nossa visita, sendo desligados por motivos técnicos.

Post do site: TecMundo

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: